gototopgototop
Celebrações
Avaliação do Usuário: / 1
PiorMelhor 
Ter, 01 de Dezembro de 2009 Cultura Popular - Celebrações

“A importância extraordinária da insurreição de 35 reside no fato de que pela primeira vez situou de forma concreta, em termos práticos, para os militantes comunistas e as forças populares, a tarefa da preparação e do desencadeamento da luta armada”.

(Pedro Pomar)

 

rebeldesb_35 Muito se tem ocultado o grande acontecimento histórico ocorrido há 74 anos sobre o solo do nosso país. Em novembro de 1935 a Aliança Nacional Libertadora, frente única antifascista dirigida pelo proletariado, lançava-se corajosamente em armas para assaltar o poder e libertar o Brasil da infinita submissão, obscurantismo e fascistização imposta pelo governo reacionário de Vargas.

Batizaram com seu ódio de classe de “Intentona Comunista” o glorioso Levante Popular. Aliás, diga-se de passagem, não é o ódio cego dos seus inimigos um índice da autenticidade e da intrepidez das manifestações das classes populares?

 
Qui, 05 de Novembro de 2009 Cultura Popular - Celebrações

mariguella No dia 04/11 deste ano celebramos a passagem dos 40 anos do assassinato do grande militante comunista, incansável lutador, Carlos Mariguella. Baiano, um dos sete irmãos de uma família pobre, filho de um operário italiano com uma filha de escravos africanos, o “Carlos” (nome que Jorge Amado empregou para homenagea-lo no seu célebre romance “Subterrâneos da Liberdade”) cedo ingressou na militância comunista.

Aos 18 anos, enquanto cursava o curso de Engenharia Civil na Escola Politécnica da Bahia, ingressa no Partido Comunista do Brasil. Em 1932 é preso pela primeira vez, acusado de compor um poema ridicularizando o então interventor da Bahia Juracy Magalhães. Libertado, mudou-se para o Rio de Janeiro e foi novamente encarcerado em 1936. Resistiu a 23 dias ininterruptos de tortura nas mãos da polícia política comandada por Filinto Muller, covarde desertor da Coluna Prestes e sádico bandido.

 
Ter, 27 de Outubro de 2009 Cultura Popular - Celebrações

Por ocasião do aniversário de 92 anos da Grande Revolução Socialista de Outubro, o MEPR reproduz aqui em seu site matéria do jornal A Nova Democracia, de autoria do prof. Fausto Arruda. Entendemos que a passagem da celebração do triunfo da revolução bolchevique, que inaugurou uma nova era na história da humanidade, exige de todos os revolucionários uma profunda reflexão sobre esse quase centenário de luta sem quartel do proletariado por defender e fazer avançar o sistema socialista em meio ao cerco imperialista e à mais complexa e feroz luta de classes, que prossegue sob a ditadura do proletariado, através da luta implacável contra o revisiosnimo e que culminou na restauração capitalista na URSS em 1956.


Tomada do Palácio de Inverno, 1917, por Pavel Sokolov-skalia

Prof. Fausto Arruda

Todos anos, no aniversário da Revolução de Outubro de 1917, os democratas avançados e revolucionários em todo mundo celebram o grande acontecimento que mudou o rumo da história da Humanidade e inaugurou uma Nova Era. A reação, através de todos os meios, não deixa de aproveitar oportunidade como esta para, uma vez mais, destilar seu mais raivoso rancor contra a revolução proletária.

 
Sex, 23 de Outubro de 2009 Cultura Popular - Celebrações

Che-mao No dia 8 de outubro de 1967, Ernesto Guevara de la Serna, o Comandante Che Guevara, foi capturado próximo ao povoado de La Higuera pelo exército boliviano junto com outros combatentes revolucionários. Ferido e amarrado, levam-o, no dia seguinte, a uma construção onde funcionava uma escola, e, a mando do Tenente Coronel Ayoroa, Che é assassinado.

Passados 42 anos de sua morte, em cada país dominado, por onde Che passou ou não, o povo lembra sua história e continuam a existir jovens dispostos a lutar contra o imperialismo seguindo seu exemplo. Na história do Brasil existem muitos exemplos de jovens que, assim como Guevara, foram assassinados por lutarem contra a dominação principalmente dos USA sobre o nosso país e no resto do mundo isso também é uma realidade muito inspirada no destemido Comandante.


 

 


JPAGE_CURRENT_OF_TOTAL

RVI