gototopgototop

Mariana Aydar e Leci Brandão - Zé do caroço

Avaliação do Usuário: / 2
PiorMelhor 

Leci Brandão, diante de um público jovem, faz questão de explicar que Zé do Caroço, personagem principal deste samba, foi um líder na favela do morro do Pau da Bandeira, localizado em Vila Isabel, bairro da zona norte da cidade do Rio de Janeiro.

A artista transmite a importância dos líderes do povo, lamentando, inclusive, a ausência de líder na favela da Mangueira, comunidade que viveu mais próxima desde sua infância, sendo também a primeira mulher a integrar a ala de compositores da Escola de Samba desta comunidade.

"Na hora que a televisão brasileira destrói o meu povo com a sua novela"

Na música também é feita uma crítica às novelas burguesas transmitidas pelo monopólio de comunicação televisiva que, distorcendo a realidade, cumprem o papel de anestesiar o povo, principalmente as pessoas mais pobres, que vivem uma dura realidade todos os dias - exatamente a oposta da retratada nas novelas dos monopólios.

Sobre o monopólio das transmissoras de TV a artista disse em uma entrevista "A questão da força da televisão mudou uma série de coisas. Porque TV é estética. O artista tem que ser jovenzinho, bonitinho; mulher, então, tem que ser loirinha e gostosa. Se a pessoa não tem um modelo para a TV, fica mais difícil. Paralelamente a isso - e bato no peito e digo sem o menor problema -, não tenho rabo preso com ninguém; sou uma sambista muito pensante. Desde o início da minha carreira, sempre segurei bandeiras difíceis, sempre fui atenta a tudo o que acontecia ao meu redor, sempre discuti no mesmo nível com as pessoas."