gototopgototop
Pintura
Avaliação do Usuário: / 3
PiorMelhor 
Sex, 19 de Julho de 2013 Cultura Popular - Pintura



Em Lima, capital do Peru, dentro de um prédio da Dircote (Direção contra o Terrorismo), um dos aparatos policiais chave na luta contrarrevolucionária do velho Estado peruano, estão capturados preciosos tesouros de um valor histórico incalculável. Lá se encontra todo tipo de arte popular e revolucionária produzida pelo entusiasmo e criatividade inesgotável das massas, objetos de uma importância imensa para a memória histórica das futuras gerações. Assim como documentos da maior relevância ideológica e política que constituem nas mãos da reação, como demonstração do seu obscurantismo feudal, um autêntico Index librorum prohibitorum¹.


 
Avaliação do Usuário: / 1
PiorMelhor 
Seg, 24 de Agosto de 2009 Cultura Popular - Pintura

rivera0Diego María Rivera máximo artista plástico del siglo XX. Creador y fundador del movimiento muralista mexicano así como uno de los fundadores del Partido Comunista de México.

Diego Rivera(1886-1957) nació en 1886 en Guanajato. En 1896, a la edad de diez años, tomó clases en la Academia de San Carlos en la ciudad de México donde estudió estilos artísticos tradicionales europeos. En 1906 presentó 26 trabajos en su primera exposición. Recibió una beca y viajó a España para estudiar con el maestro Eduardo Chicharro y allí estudió los trabajos de Goya, El Greco, y Bruegnel en el museo del Prado de Madrid. En París, concoció a las principales figuras de la época y quedó fascinado con el movimiento cubista. En Europa, se encontró con Siqueros quien le habló de la revolución mexicana y de la necesidad de crear un arte nacional. Rivera hizo un viaje a Italia para estudiar los primeros frescos del Renacimiento, y después decidió volver a México para dedicarse a muralismo.

 
Avaliação do Usuário: / 6
PiorMelhor 
Seg, 24 de Agosto de 2009 Cultura Popular - Pintura

Magdalena Carmen Frida Kahlo y Calderón nasceu em Coyoacán, subúrbio da Cidade do México. Se declarava filha da Revolução Mexicana, por isso dizia ter nascido em 1910 (sendo na realidade, 1907). Frida foi casada com o grande e famoso mundialmente painelista e comunista Diego Rivera. Ambos se amavam muito, militavam juntos e acima de tudo, admiravam um ao outro. Essa frase mostra muito bem isso, dita pelo personagem Diego Rivera (interpretado pelo ator Alfred Molina) no filme Frida (2000):

“Uma magricela com as sombracelhas juntas gritou para mim: ‘Diego, quero que veja meus quadros!’ E me fez descer óbvio. Eu desci e ainda estou vendo até hoje. Mas quero falar de Frida não como marido, e sim como artista e admirador. Sua obra é ácida e frágil. Dura como aço e fina como asa de uma borboleta. Cativante como um sorriso e cruel como as agruras da vida. Creio que jamais, até hoje, uma mulher depositou tanta agonia e poesia nas telas.”

 


RVI