gototopgototop

MEPR Celebra a Grande Revolução Chinesa com Mostra de Filmes em Goiânia

Avaliação do Usuário: / 0
PiorMelhor 

mostra filmes1Celebrando os 60 anos da Revolução Chinesa, quando o povo chinês assaltou os céus com a força do fuzil e impôs a democracia das massas por meio da República Popular e avançou ainda mais no luminoso caminho da revolução até o comunismo, o MEPR exibiu, em Goiânia, filmes produzidos na China Popular com o objetivo de propagandear o caminho trilhado pelo heróico povo daquele país, que deve servir como exemplo para que construamos esse luminoso destino em nossa Pátria.

Com a presença de estudantes universitários e secundaristas e intelectuais, além de um professor chinês que viveu até 1965 na China e inclusive fez parte da Guarda Vermelha, os debates foram extremamente ricos e calorosos.

Não obstante alguns ataques a respeito do “culto à personalidade” e dos “milhões de mortos pela Revolução”, estes foram prontamente rechaçados pelos estudantes revolucionários e esclarecidos pelo Professor Tai, que exaltou o Presidente Mao como grande chefe da Revolução Chinesa e falou sobre as mentiras que a mídia ianque difunde a respeito da luta dos povos de todo o mundo. Como dizia Jorge Amado durante sua visita à URSS revolucionária, “os cães ladram e a caravana passa”...

mostra filmes1Os filmes exibidos (Rompendo com Velhas Idéias, O Leste é Vermelho e A Emancipação da Mulher) deram elementos para que debatêssemos diversos temas e produziu como resultado uma firme defesa da Revolução Cultural, da participação ativa da mulher como necessidade para a Revolução e do heroísmo das massas chinesas em todo o processo revolucionário daquele país.

Também, como observado na história, a necessidade de um partido comunista autêntico, destacamento de vanguarda do proletariado e intimamente ligado às massas para dirigir o processo revolucionário até o fim, passando pela Revolução de Nova Democracia e transitando ininterruptamente ao socialismo, até o luminoso comunismo de mãos dadas com os povos de todo o mundo.

mostra filmes1Os calorosos debates realizados a partir da Mostra de Filmes deixam claro a importância de discutir os grandes acontecimentos revolucionários de nossa época, suas lições e experiências, vitórias e derrotas, e de como a juventude do nosso país é permanentemente proibida de conhecer a verdade histórica. Sendo o nosso imenso país uma nação oprimida pelo imperialismo, espoliada pelo capitalismo burocrático que flagela nosso povo (semelhanças mais que significativas com a China obscura de Chiang-Kai-Chek) é natural que as classes dominantes temam que se conheça a verdade sobre um povo que heróicamente lutou e terminou por conseguir libertar-se de seus pesados grilhões, exatamente como fará num futura não tão distante o povo brasileiro.

A aliança operário-camponesa e a justa direção do proletariado, através do Partido Comunista, figuram entre as causas da vitória e foram igualmente debatidas.

Esta celebração, sem dúvida, é importante tanto para a propaganda revolucionária feita na cidade, como para a universidade quebrar suas velhas idéias e compreender que são as massas quem fazem a história, as massas quem constroem e transformam o mundo, e que nada pode deter a sua decisão quando se levantam de punhos erguidos e palavras-de-ordem no peito, como na China revolucionária, inscrevendo com seu sangue e sua vida a gloriosa consigna de que A Rebelião se Justifica!

 

JEP 19

JEP 19

RVI

Celebrações

Teses

Facebook

Jornal A Nova Democracia

FERP (Chile)